outubro 25, 2011

mudrá





Sente-se em silêncio e deixe que seus dedos se mexam à vontade. Sinta o movimento a partir de dentro; não tente percebê-lo de fora. Portanto, mantenha os olhos fechados e deixe que a energia flua cada vez mais para as mãos.
As mãos estão profundamente ligadas ao cérebro: a mão direita, com o lado esquerdo do cérebro; a mão esquerda, com o lado direito do cérebro.
Se você der total liberdade de expressão aos seus dedos, muitas tensões acumuladas no cérebro serão aliviadas. Essa é a maneira mais fácil de aliviar o mecanismo do cérebro, suas repressões, sua energia não usada. Suas mãos são perfeitamente capazes de fazer isso.
Algumas vezes você sentirá que sua mão esquerda está erguida, outras a direita. Não imponha nenhum padrão; qualquer que seja a necessidade da energia, ela tomará aquela forma.
Quando o lado esquerdo do cérebro desejar liberar energia, ele desencadeará uma forma determinada. Quando o lado direito do cérebro estiver muito sobrecarregado com a energia, haverá um gesto diferente.
Você pode se tornar um grande meditador por meio dos gestos das mãos. Assim, sente-se em silêncio e brinque, dê permissão às mãos e ficará surpreso: isso é mágico. Você não precisa pular, correr ou fazer muita meditação caótica. Apenas as suas mãos serão suficientes.

Osho, em "O Livro Orange"
www.palavrasdeosho.com

Sem comentários:

Enviar um comentário